10 sintomas de deficiência de vitamina D que você precisa reconhecer

Tomar vitamina D ainda jovem pode ser bom para o corpo a longo prazo. Resultados de umvitamin capsule estudo conduzido pela Universidade de Zurique confirmaram que quantidades suficientes de vitamina D tomadas consistentemente são necessárias para manter a saúde dos ossos.

Muitas pessoas acreditam que manter hábitos alimentares saudáveis seja o suficiente, mas apenas alguns alimentos contêm naturalmente níveis significativos de vitamina D. De acordo com Dr. Heike R. Bischoff-Ferrari, da Universidade de Zurique, a fim de obter níveis adequados de vitamina D somente através da dieta, teria-se duas porções de peixes gordos como o salmão e a cavala serem consumidas todos os dias. Assim, é necessário aumentar os níveis de vitamina D no corpo através de suficiente exposição ao sol e suplementação a fim de utilizar todo o potencial da vitamina do sol para manter o funcionamento apropriado do corpo.

Este equívoco sobre a manutenção de níveis D através da dieta têm um grau de fundamento, já que a vitamina D não é uma vitamina autônoma. Para executar muitas funções, a vitamina D funciona em cooperação com outras vitaminas, como o magnésio, que pode ser encontrado em vegetais verdes folhosos como espinafre. Esta característica única de vitamina D tem contribuído para o gerenciamento de muitas doenças crônicas.

As muitas faces da vitamina D

Há décadas, profissionais de saúde pensavam que vitamina D somente seria boa para manutenção de dentes e ossos saudáveis. Recentes avanços na ciência, no entanto, tem colocado essa vitamina no centro do atenções ao revelar seu papel multifacetado para o bom funcionamento do corpo humano e de sua capacidade de reduzir o risco de doenças não anteriormente associadas à ela.

Apesar das recentes revelações sobre o potencial da vitamina D, parece que nem todo mundo aprecia destas descobertas. O estilo de vida atual de trabalhar em ambientes fechados tem contribuído para o crescente número de casos de deficiência de vitamina D em todo o mundo. Isto é agravado pelo fato de que nem todo mundo está consciente de que ele ou ela pode ser deficiente de vitamina D.

Eu sou deficiente de vitamina D?

A melhor maneira de descobrir a deficiência de vitamina D é fazer um teste de sangue que irá medir o nível da vitamina. Você pode pedir para o seu médico realizar o teste ou comprar um kit de teste caseiro para fazer você mesmo. No entanto, você certamente está deficiente de vitamina D se você tiver alguma das seguintes doenças e precisa consultar com seu médico a respeito da prevenção, bem como das opções curativas, logo que possível.

1.) Gripe – em um estudo publicado no Jornal de Cambridge, descobriu-se que a deficiência de vitamina D predispõe as crianças a doenças respiratórias. Um estudo de intervenção realizado mostrou que vitamina D reduz a incidência de infecções respiratórias em crianças.

2.) Fraqueza muscular – de acordo com Michael F. Holick, um especialista em vitamina D, a fraqueza muscular geralmente é causada por deficiência de vitamina D porque para os músculos esqueléticos funcionarem adequadamente, seus receptores de vitamina D devem ser suportados  pela vitamina D.

3.) Psoríase - em um estudo publicado pelo UK PubMed central, descobriu-se que os análogos sintéticos de vitamina D são úteis no tratamento da psoríase.

4.) Doença renal crônica – de acordo com Holick, pacientes com doenças renais crônica avançadas (especialmente aqueles que requerem diálise) são incapazes de produzir a forma ativa da vitamina D. Esses indivíduos precisam tomar 1,25-dihidroxivitamina D3 ou um dos seus análogos para apoiar o metabolismo do cálcio, diminuir os riscos de doenças ósseas ou renais e regular os níveis de paratormônio.

5.) Diabetes – um estudo realizado na Finlândia foi destaque no Lancet.com em que 10.366 crianças receberam 2.000 unidades internacionais (UI)/dia de vitamina D3 por dia durante o primeiro ano de vida. As crianças foram monitoradas por 31 anos e em todos eles, o risco de diabetes do tipo 1 foi reduzido em 80%.

6.) Asma - vitamina D pode reduzir a gravidade dos ataques de asma. Pesquisas realizadas no Japão revelaram que os ataques de asma em crianças em idade escolar foram significativamente reduzidos naqueles indivíduos que tomaram suplemento diário de vitamina D de 1.200 UI por dia.

7.) Doença periodontal – aqueles que sofrem desta doença crônica da gengiva que provoca inchaço e sangramento devem considerar aumentar seus níveis de vitamina D para a produção de defensinas e catelicidinas, compostos que contêm propriedades antimicrobiais e diminuem o número de bactérias na boca.

8.) Doenças cardiovasculares – insuficiência cardíaca congestiva está associada com deficiência de vitamina D. Pesquisa realizada na Universidade de Harvard entre enfermeiros encontrou que mulheres com níveis baixos de vitamina D (17 ng/m [42 nmol/L]) tiveram um aumento de 67% no risco de desenvolverem hipertensão.

9.) Esquizofrenia e depressão – estas doenças têm sido associadas a deficiência de vitamina D. Em um estudo, descobriu-se que manter suficiente vitamina D entre mulheres grávidas e durante a infância era necessária para satisfazer o receptor de vitamina D em todo o cérebro para o  seu desenvolvimento e manutenção da função mental na vida adulta.

10.) Câncer – pesquisadores da Georgetown University Medical Center , em Washington DC descobriram uma ligação entre a ingestão elevada de vitamina D e risco reduzido de câncer de mama. Esses resultados, apresentados na Associação americana para pesquisa do câncer, revelaram que o aumento de doses de vitamina do sol estava associado a uma redução de 75 por cento do surgimento geral de câncer e 50 por cento de total de câncer em casos de tumores entre aqueles que já possuíram a doença. Interessante foi a capacidade da suplementação de vitamina a ajudar a controlar o desenvolvimento e crescimento do câncer de mama, especialmente o câncer estrogênio-sensível.

A prevenção é proativa

Essas diferentes condições de saúde associadas com a deficiência de vitamina D não precisam ser algo a temer. Uma abordagem proativa de prevenção pode ajudar a evitar as doenças crônicas muito associadas com deficiência de vitamina D. Por um lado, milhares de dólares podem ser economizados, sem mencionar a paz de espírito, simplesmente, à custa de uma caminhada sob o sol. Guarde os guarda-chuvas para os dias chuvosos.

Tradução Vitamina D – Brasil

Fonte NaturalNews.com

** Se você gostou deste post, por favor considere “curtir” a página Vitamina D – Brasil no Facebook.

Leia também:

Última atualização de página: 10 de junho de 2013

58 comentários sobre “10 sintomas de deficiência de vitamina D que você precisa reconhecer

  1. Pingback: Farmácias escocesas irão distribuir comprimidos gratuítos de vitamina D na tentativa de combater doenças ligadas à falta de sol | Vitamina D – Brasil

  2. Pingback: Os Segredos da Produção da Vitamina D | Vitamina D – Brasil

  3. Tenho 67 anos e morro de medo do diabetes. Com essa informação vital, me sinto fortalecido. Com os exercícios aeróbicos e muscular na academia, a vitamina D será uma grande aliada. Obrigado. JCarvalho

  4. Infelizmente, no Brasil isso é pouco divulgado, apesar de termos muito tempo de exposição ao sol, não sabemos como o usar de forma saudável. Uma outra dica é unir a Vitamina D com Beta glucana de levedura, exatamente o que faz um suplemento alimentar chamado ImmiFlex, ele utiliza Beta glucana Wellmune que é a mais recomendada por especialistas na Europa e o melhor para manter o sistema imunológico em funcionamento, segundo estudos clínicos.

  5. Pingback: Oito doenças comuns associadas à deficiência de vitamina D | Vitamina D – Brasil

  6. PRECISO SABER AONDE ENCONTRAR O KIT, , FOI A RESPOSTA MELHOR QUE ACHEI, LEVAREI PARA MEU MÉDICO, E PEÇO A DEUS QUE ELE CONHEÇA ESTA MISTURA DE BETA GLUCONA DE LEVEDURA QMEUE FAZ O SUPLEMENTO CHAMADO IMMIFLEX.UTILIZA BETA GLUCONA WELLMUNE

    • Maria Amelia, estamos trabalhando para disponibilizar o ImmiFlex em 2014 aqui no Brasil, no momento só é comercializado na Europa e alguns países da África e Oriente Médio. Através do site http://www.CareDirect.info é possível comprar online, porém, com entregas somente na Europa e precisa ter cartão Visa ou Master Internacional. Temos previsão de iniciar o serviço de entrega mundial antes do Natal, o que terá um preço maior do que quando estiver disponível nas lojas por aqui.

      Se tiver dúvidas ou quiser ser informada sobre a disponibilização do ImmiFlex no Brasil, estamos à sua disposição através do e-mail: contact@immiflex.com

      Grato,
      Rodrigo
      Immitec South America
      http://www.ImmiFlex.com

    • Meu medico receitou o medicamento chamado VITASOL 7 gotas ao dia, tenho 35 anos e estou com falta de vit d no organismo. Hoje começo o tratamento. Espero ter ajudado.Cris. DC- SP

      • Eu tomo Dpura recomendado pelo meu médico, depois que eu pedi para fazer exame de sangue onde detectou falta de cálcio no sangue há 6 meses.

  7. Pingback: Deficiência de vitamina D entre mulheres brasileiras na pós-menopusa: pesquisa | Vitamina D – Brasil

  8. eu e minha mãe, ja tomo a 3 meses, a diabetes de minha mãe ficou controlada em 84, 89, 92, deixou de tomar a insulina, desde q começou a usar a vitamina D e eu deixei de sentir as dores nas juntas. a vitamina q tomo o nome dela é DSOL-GOTAS, tomo 5 gtas após o almoço diariamente.Exelente e milagrosa.

    • Amiga, se você ler direito o texto acima, vera que o que VC esta tomando e infinitamente menor do que esta sendo preconizado como realmente eficaz. Cinco gotas corresponde aproximadamente a 1000 unidades e segundo os estudos a taxa realmente eficaz e de no minimo 4000 unidades por dia ou seja 4 vezes mais do que você toma. Entendeu?

  9. Pingback: Vitamina D previne a placa arterial em diabéticos reduzindo o risco de doenças cardíacas | Vitamina D – Brasil

  10. Pessoal é importante a detecção dessa deficiência e a orientação medica. O exame é simples e o resultado rápido. Peça para o medico incluir essa analise nos proximos exames de rotina! Mês passado eu fiz, e já fui medicada. Estou tomando 6 gotas de Addera D3 como recomendado pelo médico.

  11. vivia no ortopedista com dores no corpo,fui ao reumatotologista,que pediu exames,na qual o resultado baixissíma a vitamina D, insonia,tremores, depressão,tonturas,causada pela falta desta vitamina,estou tomando 10 gotas depura ao dia,,por 2 mesea,após farei novo exame.me sinto muito melhor.

  12. Pingback: Quinze fatos que você provavelmente nunca soube sobre vitamina D e exposição solar | Vitamina D – Brasil

    • Olá. Depende do seu objetivo. Para apenas se bronzear o sol da manhã ou fim da tarde resolvem. Mas para produção de vitamina D, o melhor é entre 11h e 13h sem protetor solar por no máximo 15 min. dependendo da sua cor de pele deve ser menos. E, claro, não adianta sair correndo pra se lavar por causa da transpiração que você vai remover as substâncias absorvidas. Aguarde alguns minutos. É bom mencionar que deve-se evitar tomar sol através de vidros, como no carro ou ônibus. Isso provoca um envelhecimento acelerado da pele.

  13. Fiz cirurgia bariátrica e estou com carencia de vitamina D.Vou aproveitar os dias de sol pra repor um pouco mais a vitamina D.Obrigado pela informação muito esclarecedora.

  14. Sou alérgica e tenho renite. Notei que quando o meu médico receitou vitamina D houve uma melhora bem significante, não gripei mais como antes e os processos constantes de bronquite não tenho mas. O índice de vitamina D no meu organismo é muito baixo; por incrível que pareça foi uma grastro que descobriu a deficiência que eu tenho. Devido a minha necessidade de ter que passar por uma cirurgia de hérnia hiato. Quando eu estava realizando os exames pré-operatório tive problemas com a sedação da endoscopia, por isso a cirurgia foi adiada e foi aí que a médica pediu o exame. Não deu outra a vitamina D estava quase zero no meu organismo. Espero desperta o senso de pesquisa nos profissionais de saúde para eficácia dos diagnósticos.

  15. Pingback: Baixos níveis de vitamina D um problema global | Vitamina D – Brasil

  16. Estou com deficiencia dessa vitamina estou me sentindo muito cansada e com muitas dores no corpo inteiro principalmente nas pernas e pulso tem dias que nem consigo andar ..

  17. ESTOU COM VITAMINA D BEM BAIXO DA MEDIA, FIZ O EXAME E O MEDICO
    ME RECITOU 20 GOTAS DE DEPURA AO DIA DURANTE 03 MESES
    ESTOU TOMANDO FAZ UMA SEMANA JA TIVE MELHORA.

  18. olá, bom dia a todos, infelismente nossos profissionais da saúde deixam muito a desejar quanto à explicação e à informação sobre todas as vitaminas não só a vit D, e por conta disso, nós as mulheres, somos beneficiadas, entre aspas, pela osteoporose e depressão aguda. Sinto, pois podia-se evitar tantas consequencias ruins aos nossos organismos, bendita internet que nos ajuda a obter essas tão preeciosas informações que precisamos. Minha irmã já estava praticamente deitada, sem vontade alguma de viver, e depois da descoberta da falta da vit D e da vit B12 ela voltou a viver tomando 35 gotas duas vezes na semana. HOJE ESTÁ MAIS DISPOSTA DO QUE EU QUE SOU MAIS JOVEM. Aguardo a informação da chegada do kit no Brasil, como sempre estamos atrasados.

  19. Fiz um exame e descobri que minha vitamina D tava baixa, será que é por isso que quando estou com fome fica uma tremedeira no meu corpo e tambem quando tenho dores de barriga falto desmaiar me tremendo toda, ou não tem nada a ver?

  20. Achei muito válida a informação que foi repassada,vou ficar atenta a isso,tive depressão já há uns anos 2009 em diante,depois,fiquei fazendo tratamento de transtorno de ansiedade e síndrome do pânico,será que pode ter alguma relação?Os medicamentos que me são prescritos sempre tem efeitos adversos,sou muito alérgica onde se torna ainda mais difícil o tratamento.Outro,seria sobre meu pai que foi operado de c.a.no estômago e já havia atingido o fígado c/3 nódulos,dos quais 2 foram retirados,restando um de difícil acesso,hj reclama de muita fraqueza,cansaço,insônia,falta de apetite,nestas 2 semanas perdeu peso,fato que o prejudica em muito seu tratamento e sua qualidade de vida,será que poderia estar recebendo doses de vit D?Claro com orientação médica,tbm por causa da quimio.semanal.Desde já agradeço.

  21. Sinto muitas dores nas pernas e nos braços e muito cansaço. Lendo os depoimentos acho que estou carente de Vitamina D. Vou fazer o exame. Obrigada pelos esclarecimentos.

  22. muito bom essas informaçoes, e assim q me sinto, muito cansada e tudo mais. cuidado gente, pois e muito ruim os sntomas, e irei divulgar no facebook e onde tiver chanses, quero passar essas informaçoes, irei me tratar urgentemente! bg

  23. Reinaldo.
    Muito bom saber que falta de vitamina D causa tantas coisas ruins ao nosso corpo. vou correndo pedir exame falta de vitamina D ao meu medico.
    muito obrigado pelas as informações

  24. Não precisamos de fazer exames para saber se somos carentes de vitamina D3,é só tomar 2.000ui para prevenção e tudo bem,simples assim.Todos nós somos carentes pra que exame? 10 gtas já é um bom começo.

  25. .
    Convivi vários anos c/ dores musculares .Quase operei o joelho .Ao longo do tempo as dores foram aumentando .Ñ consiguia ficar mais de 15 minutos em pé andar.Era un inferno total !
    Foi quando passou a Artrose p/ as mão e coluna ,Nervo ciatico .Procurei minha médica Endocrinologista e falei q/ estava tomando calcitran D3. Ela pediu uns exmes e contatou q/ a falta era de Vitamina D3 Já que o calcio estava regular.No 1ª mes ´ja comecei a ver a diferença ..

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s